Hot Topics

Internacional: FORTE EXPLOSÃO DESTRÓI O PORTO DE BEIRUTE

Ministro da Saúde do Líbano fala em “muitos feridos e danos materiais”. Autoridades citam ao menos 70 mortos. Donald Trump diz que pode ser possível ataque.

Pelo menos 70 pessoas morreram e 3.700 ficaram feridas após uma forte explosão que sacudiu Beirute nesta terça-feira (04), sobre a qual uma grande coluna de fumaça avermelhada subiu, originada em um armazém de explosivos no porto da capital libanesa, conforme anunciado pelo Ministério da Saúde local.

A deflagração gerou uma enorme onda de choque, que foi sentida em toda a capital a vários quilômetros de distância. As autoridades ainda não confirmaram a causa da explosão. O Exército foi enviado a Beirute para trabalhar nos esforços de resgate. O incidente ocorreu a menos de 72 horas de o Tribunal Especial para o Líbano, localizado em Haia, proferir uma sentença pelo assassinato de um carro-bomba do ex-primeiro-ministro Rafik Hariri em 2005.

Ataque – Em entrevista a jornalistas na Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse “Parece um ataque horrível”, ao se referir à explosão que aconteceu no porto de Beirute e deixou mais de 70 mortos e cerca de 4 mil feridos.

“Eu me encontrei com alguns dos nossos generais, e eles parecem acreditar que foi (um ataque). Isso não foi algum tipo de explosão industrial”, acrescentou Trump.

A enorme explosão atingiu Beirute em uma época em que o país está passando por uma de suas piores crises econômicas desde o fim da guerra civil em 1990.

O primeiro-ministro libanês Hassan Diab revelou em reunião com o presidente Michel Aoun que um carregamento de 2.750 toneladas de nitrato de amônio que estavam em um armazém não fiscalizado há seis anos teria sido a causa da explosão.

Diab prometeu em um breve discurso transmitido por emissoras locais que os responsáveis pelo incidente “pagarão o preço”, pois a “catástrofe não passará sem responsabilidade”.

(Com El País e R7)

Seja o Primeiro a comentar on "Internacional: FORTE EXPLOSÃO DESTRÓI O PORTO DE BEIRUTE"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*