Sistema de políticas habitacionais do Paraná é premiado

????????????????????????????????????

Um programa de monitoramento e gerenciamento da política habitacional do Governo do Paraná foi premiado nesta quinta-feira (22) durante o 64.º Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social, em São Paulo. O sistema, desenvolvido pela Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), recebeu o Selo de Mérito da Associação Brasileira de Cohabs e Agentes Públicos de Habitação, um reconhecimento às contribuições mais relevantes para o desenvolvimento do setor em todo o país.

O prêmio é resultado do desenvolvimento do Sistema de Informações sobre Necessidades Habitacionais do Paraná (SISPEHIS). A ferramenta é utilizada para o monitoramento e avaliação do Plano Estadual de Habitação de Interesse Social do Paraná (PEHIS-PR), que traduz a política habitacional do Estado em ações concretas, com prazos, programas e recursos, permitindo uma visão estratégica das soluções para o setor.

SISTEMA – De acordo com Bernadeth Dickow, socióloga da Cohapar e autora do projeto, o Paraná é o único estado do Brasil que possui um sistema com essa dimensão de atendimento. “A pesquisa te mostra cada aspecto do déficit habitacional através de fotos e georeferenciamento, que é o que indica o local e as condições da área”, explica Bernadeth. “Cada município tem pessoas capacitadas para acessar o sistema e o atualizar, pois o nosso objetivo é formar uma aliança com o município”, conta.

O SISPEHIS é baseado na pesquisa de necessidades habitacionais do Paraná, realizada em 2010 e atualizada entre 2015 e 2016, por meio do próprio mecanismo, acessível às prefeituras. O modelo permite que os municípios tenham autonomia no preenchimento e atualização sobre as condições de habitação e urbanização de suas localidades. A próxima atualização acontecerá em 2020.

Dos 399 municípios paranaenses, 376 utilizaram o SISPEHIS para atualizar os dados, o equivalente a 97% das localidades, o que permite segurança para o cálculo do déficit habitacional em todo o estado. O sistema é composto por cinco formulários: pesquisa geral, favelas ou ocupações irregulares, cortiços, loteamentos irregulares ou clandestinos e conjuntos habitacionais degradados.

O sistema proporciona pesquisas que resultam no déficit qualitativo, que desenha a realidade brasileira e no déficit quantitativo, que permite o desenvolvimento de programas, linhas de financiamento e investimentos adequados à população.

O SISPEHIS está disponível para consulta pública no site da Cohapar.

 

Com AEN

Seja o Primeiro a comentar on "Sistema de políticas habitacionais do Paraná é premiado"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*