QUEM GANHOU E QUEM PERDEU NO DEBATE DA RPC PARA O GOVERNO DO PARANÁ

Jornalistas da Gazeta do Povo analisam o desempenho dos candidatos no último cara a cara entre eles na TV aberta antes das eleições

Os principais candidatos ao governo do Paraná repetiram estratégias no terceiro e último debate na televisão, realizado na noite desta terça-feira (2), pela RPC TV. Dos dez candidatos ao governo do Paraná, seis foram chamados para participar do debate na afiliada da Rede Globo: Cida Borghetti (PP), Dr Rosinha (PT), João Arruda (MDB), Ogier Buchi (PSL), Professor Piva (PSOL) e Ratinho Júnior (PSD).

Ao longo de quase duas horas, Piva voltou a concentrar a artilharia em Ratinho. Mas, ao contrário dos debates anteriores, o candidato do PSD não demonstrou irritação. Ratinho ocupou a maior parte do tempo para falar de propostas.

João Arruda fez ataques indiretos a Ratinho, não houve uma única troca de pergunta/resposta entre os dois. Ao questionar Cida sobre educação e segurança pública, por exemplo, o emedebista aproveitava para falar do “outro candidato” com “propostas mirabolantes”.

Dobradinha

Assim como no primeiro debate na televisão, Ogier novamente fez dobradinha com a candidata do PP, levantando os temas preferidos da adversária, que aproveitou para contar sobre suas ações à frente do Palácio Iguaçu.

Já o nome do ex-governador do Paraná e candidato a senador Beto Richa (PSDB), envolvido em escândalos de corrupção, voltou a aparecer. Mas Cida e Ratinho, ambos integrantes da gestão do tucano no Executivo, permaneceram ignorando o nome do aliado.

O candidato Dr. Rosinha também quis juntar o trio Cida, Ratinho e João Arruda no mesmo barco, o de aliados da impopular gestão Michel Temer (MDB). Foi a oportunidade criada pelo petista para, novamente, pedir votos ao presidenciável Fernando Haddad (PT).

Rosinha e Ogier foram os únicos a lembrar dos respectivos candidatos ao Palácio do Planalto. Mesmo preterido por Jair Bolsonaro (PSL), que declarou apoio a Ratinho, Ogier apelou ao eleitor do presidenciável logo no começo do debate: “Eu sou candidato do Bolsonaro. Que fique bem claro. Se você vota no Bolsonaro, você vota no Ogier”.

Segundo turno?

A preocupação com uma vitória do candidato do PSD já no primeiro turno apareceu de forma discreta, e na boca de João Arruda. O emedebista pediu mais tempo para o eleitor conhecê-lo. Quando criticado por Piva sobre posições que adotou na Câmara dos Deputados, João Arruda também reclamou: “O senhor está muito preocupado em levar dois candidatos do Beto Richa [Cida e Ratinho] para o segundo turno”, disse o emedebista, sugerindo que ele deveria ser poupado das farpas do candidato do Psol.

Nas três pesquisas de intenção de voto realizadas pelo Ibope (*) desde o início da campanha eleitoral, Ratinho Júnior aparece em primeiro lugar e com vitória já no primeiro turno, quando desconsiderados os votos brancos, nulos e dos indecisos. Apesar disso, a comparação com os três cenários revela também que, do início da campanha eleitoral até aqui, aumentaram as chances de segundo turno, a partir da redução dos indecisos, e do crescimento das candidaturas de Cida e João Arruda.

Metodologia (*)

Primeiro levantamento: Pesquisa realizada pelo Ibope entre os dias 16 e 22 de agosto de 2018, com 1008 entrevistados, no Paraná. Contratada por: REDE PARANAENSE DE COMUNICAÇÃO (RPC). Registro no TSE: PR-04869/2018. Margem de erro: 3 pontos percentuais. Confiança: 95%. Observação: A pesquisa está sendo impugnada por duas representações eleitorais, ajuizadas por interessados diversos, segundo os quais a pesquisa não atendeu aos requisitos previstos na Resolução 23.459/TSE, especialmente quanto à insuficiente estratificação para o nível econômico dos eleitores respondentes.

Segundo levantamento: Pesquisa realizada pelo Ibope entre os dias 1º e 4 de setembro de 2018, com 1204 entrevistados, no Paraná. Contratada por: REDE PARANAENSE DE COMUNICAÇÃO (RPC). Registro no TSE: PR-04985/2018. Margem de erro: 3 pontos percentuais. Confiança: 95%.

Terceiro levantamento: Pesquisa realizada pelo Ibope entre os dias 24 e 26 de setembro de 2018, com 1204 entrevistados, no Paraná. Contratada por: SOCIEDADE RÁDIO EMISSORA PARANAENSE SA /TV PARANAENSE, REDE PARANAENSE. Registro no TSE: PR-07128/2018. Margem de erro: 3 pontos percentuais. Confiança: 95%. Observação: A pesquisa está sendo impugnada por representação eleitoral em razão de alegadas discrepâncias técnicas concernentes à estratificação do eleitorado.

(Com Gazeta do Povo)

Seja o Primeiro a comentar on "QUEM GANHOU E QUEM PERDEU NO DEBATE DA RPC PARA O GOVERNO DO PARANÁ"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*