PLANO DE MOBILIDADE URBANA É DEBATIDO EM AUDIÊNCIA PÚBLICA

Quando concluído, município apresentará o projeto ao Ministério das Cidades para pleitear recursos na área de infraestrutura

A primeira audiência pública do processo de construção do Plano de Mobilidade Urbana de Foz do Iguaçu foi realizada na noite de segunda-feira (8), no auditório da Fundação Cultural, reunindo membros do Parque Tecnológico de Itaipu (PTI), Prefeitura Municipal e moradores.

Técnicos do Parque Tecnológico Itaipu apresentaram o primeiro diagnóstico com base nos dados coletados em encontros e workshops. Estes dados são importantes para a formatação do Plano e para a elaboração das propostas finais de mobilidade, definindo pontos estratégicos que precisam ser melhorados, como transporte público, instalação de mais ciclovias, atendimento diferenciado ao turista e outras formas de modais que integrem comunidade, bairros, e centro da cidade.

Para o diretor de gabinete da Prefeitura, Kalito Stoeckl, a parceria com o PTI é fundamental para que o município apresente ao Ministério das Cidades um Plano de Mobilidade adequado à realidade e às necessidades de Foz. “Precisamos ouvir mais a população e para isso contamos com a participação de representantes de vários segmentos da sociedade, como as Universidades, o empresariado, taxistas, mototaxistas, agentes da área do turismo, para juntos entendermos o que Foz precisa realmente para se tornar uma cidade melhor e mais sustentável no trânsito”, defendeu Stoeckl.

A próxima audiência pública acontece no dia 29 de janeiro, na Câmara de Vereadores, reunindo também Prefeitura, PTI, e entidades como Sanepar, Acifi, Codefoz, Adere, ACCI, Rotary, Unila, e demais parceiros

(Com pmfi)

Seja o Primeiro a comentar on "PLANO DE MOBILIDADE URBANA É DEBATIDO EM AUDIÊNCIA PÚBLICA"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*