MUNICÍPIO AVANÇA COM PROGRAMA DE GESTÃO DE RESÍDUOS RECICLÁVEIS

Em conformidade ao estabelecido na política nacional de resíduos sólidos 12305/2010, também na lei complementar do município nº 198 de 11 de dezembro de 2012, o Município implantará a coleta seletiva porta a porta por meio da COAAFI – Cooperativa dos Agentes Ambientais de Foz do Iguaçu, com cronograma gradativo de implantação iniciando pela região da Vila C a partir do próximo mês.
 
Os materiais recicláveis que hoje são descartados no aterro sanitário serão coletados uma vez na semana porta a porta até 100% das residências e encaminhados aos centros de triagem da COAAFI, beneficiando toda uma população que vive do trabalho de reciclagem desse material. 
 
O compromisso da nova gestão tem sido com ações voltadas a sustentabilidade e a coleta seletiva é uma prioridade à curto prazo. Um projeto de reestruturação de todo processo de recolhimento do material reciclável já vem sendo elaborado pelo Município e poderá se tornar referência no país.  
 
O Programa de coleta seletiva prevê a parceria da Itaipu Binacional no investimento dos 8 centros de triagem de resíduos recicláveis já existentes. Pelo projeto serão totalmente revitalizados, incluindo o barracão do Campos do Iguaçu, que será reativado. Também está previsto o apoio na logística e gestão da COAAFI com caminhões e equipamentos como esteiras, prensa, balança, big bag, empilhadeira e outros necessários além de uniformes e equipamentos de proteção individual para tornar a condição do trabalho mais digna, segura e com mais qualidade. Tudo isso irá permitir a inclusão de mais profissionais ao sistema, sendo uma referência mais atrativa financeiramente.
 
De acordo com a secretaria de Meio Ambiente, Ana Biesek, que está à frente de todo este processo, neste convênio com a Itaipu Binacional “a contrapartida da Prefeitura será em média de 10% do total de investimentos, ou seja, dos mais de R$ 7.000.000,00 de investimentos ao longo de três anos a PMFI se responsabilizará por aproximadamente R$ 700.000,00”, disse Ana. 
 
A Prefeitura também efetivará contratação da COAAFI tendo como objeto a prestação de serviços de triagem, processamento, beneficiamento e destinação final adequada dos resíduos sólidos recicláveis e reutilizáveis por 18 meses, sendo um pré-requisito para realizar o convênio com a Itaipu, no qual a Prefeitura fará repasses trimestrais a Cooperativa. Segundo a secretária, “os repasses são para que a COAAFI consiga se gerir, pagar combustível, custos administrativos, manutenção dos empreendimentos, motoristas e INSS dos seus cooperados, além de utilizar os equipamentos de proteção individual adequados para cada atividade como; proibir o acesso e permanência de animais e  menores de 18 anos nos CTs, além de zelar pelo bom aspecto e limpeza do Centro de Triagem e seu entorno, manter  os Centros de Triagem com licenciamento ambiental  junto aos órgãos ambientais competentes; organizar e adequar os Centros de Triagem com medidas de segurança e prevenção de incêndios”, enfatizou Ana Biesek. 
 
Neste processo ambiental, econômica e socialmente a SMMA por meio da educação ambiental e demais secretarias, envolverá toda a comunidade.
Atualmente a COAAFI possui em torno de 101 cooperados, mas são pelo menos 1000 catadores informais na cidade que poderão gradativamente ser inseridos à Cooperativa e realizar o trabalho de coleta de forma regulamentada. Outra parceria, com a empresa Tetrapark, permitirá o apoio na aquisição de material e a inserção do projeto nas áreas rurais de Foz do Iguaçu. 
 
“Este não é apenas um projeto de meio ambiente, mas, sobretudo um projeto social que visa melhorar a qualidade de vida dos catadores de materiais recicláveis, por isso é fundamental promover uma conscientização sobre a importância da coleta seletiva na cidade, criando a cultura da separação e destinação correta. É um macro projeto que pode tornar Foz referência para todo país. É de extrema importância para uma cidade reconhecida internacionalmente como somos”, disse Ana Biesek.
 
Concurso Cultural
 
A Secretaria Municipal do Meio Ambiente está dando a oportunidade para que os acadêmicos de Foz do Iguaçu façam parte da história da implantação da Coleta Seletiva na cidade. O Concurso Cultural lançado hoje permite que os acadêmicos criem o logotipo e o slogan que serão usados desde o projeto piloto até a universalização do serviço. 
 
O concurso oferece certificado a todos os participantes. A inscrição pode ser feita pelo link https://goo.gl/BdVLt3 e o regulamento pode ser consultados aqui.
Com PMFI

Seja o Primeiro a comentar on "MUNICÍPIO AVANÇA COM PROGRAMA DE GESTÃO DE RESÍDUOS RECICLÁVEIS"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*