Miss Brasil Global 2017 se encanta por Foz do Iguaçu

A agenda da Miss Brasil Global 2017, Barbara Vitorelli, em Foz do Iguaçu, neste fim de semana, foi marcada pela soma de atividades sociais e divulgação turística. Sua imagem que marca a representação da beleza feminina somou-se as características da cidade e acendeu para o olhar social.

Papel Social

Logo na chegada, Barbara Vitorelli, visitou o Lar dos Velhinhos. Lá interagiu com histórias e foi recebida com outras. Como o carinho do seu Edir, que mesmo com dificuldades de locomoção, fez questão de acompanhá-la pelos corredores do recinto.  “Eu preciso caminhar, vou com você. Vem por aqui.”, animado disse o seu Edir.

Já em sua visita a ala oncológica do Hospital Costa Cavalcanti, a Miss Brasil Global 2017, pôde conversar com a equipe e alguns pacientes. A miss elevou a importância da prevenção do câncer de mama, ressaltada neste mês, com a Campanha Outubro Rosa. “Estas visitas me encorajam, preciso ajudar e dar força. E se minha presença tirar apenas um sorriso, já me sinto satisfeita. Aqui, no hospital, conheci a Lilian e a Maristela, pacientes que me receberam com a dor da doença e um largo sorriso nos lábios”, enfatizou Barbara Vitorelli.

Depois foi a vez das crianças. Com a agenda apertada, a miss fez questão de cancelar compromissos e ficar um dia a mais em Foz do Iguaçu. A entidade escolhida foi a APAE, da cidade. “Sou professora e não poderia deixar de receber tanto amor. Sim, as crianças me fortalecem e a energia desta cidade é incrível! Eu não poderia ir, sem antes receber abraços das crianças daqui”, frisou a miss, que é formada em Letras.

Visitas aos atrativos turístico

Parque das Aves

Antes de chegar ao Parque das Aves, a Miss Brasil Global 2017, Barbara Vitorelli, estava entusiasmada e repetia sua curiosidade sobre os flamingos. “São aves lindas, eu as adoro”, repercutia a miss. Ao se deparar com a diversidade de pássaros do local, a miss, tanto se encantou que a conversa já incluía os tucanos, as araras, os jacus e tantas outras. Reconhecida, interagiu com os visitantes e acabou por ter que voltar em outro dia para a foto especial com a arara azul. “Vamos voltar amanhã, eu preciso ter uma foto com a arara em meus braços”, afirmou Barbara, que foi impedida de tirar a foto no momento por causa da sua agenda de compromissos. Ela voltou no dia seguinte, enfrentou a fila e conseguiu a foto.

Cataratas do Iguaçu

O próximo atrativo foi o Parque Nacional do Iguaçu, onde estão localizadas as Cataratas do Iguaçu. “Que lugar abençoado! O que é essa força, essa energia espiritual!”, disse Barbara ao se deparar com as quedas d’águas. Ainda que com chuva, a Miss Brasil Global 2017, fez o percurso. “Você é miss Brasil Global!  É de onde? Posso tirar uma foto?”, estas foram as frases que ela mais ouviu. E em vários idiomas. Como fala fluentemente inglês e espanhol, a nossa representante nacional, conseguiu interagir com todos que a abordaram. Fotos registradas, foi a vez da miss tirar a coroa e a faixa de sua representatividade e se deliciar nas passarelas das Cataratas do Iguaçu. “É incrível! Impressionante! É preciso sentir, estar aqui!”, exclamava Barbara.

Gastronomia local

Na hora de provar a gastronomia local, a miss saiu de sua dieta. “Ainda bem que a genética me ajuda, quanta diversidade”, observou Barbara Vitorelli. Ela, a convite da Churrascaria Rafain, assistiu ao show cultural durante o jantar, que é uma tradição do estabelecimento, o qual apresenta através da dança oito nacionalidades latinas americanas; Argentina, Paraguai, Colômbia, Bolívia, Uruguai, Chile e Brasil. Mais cedo almoçou no Restaurante Porto Canoas, localizado dentro do complexo turístico das Cataratas do Iguaçu. Em outra ocasião conheceu o rodízio de massas do Restaurante Quatro Sorelle e provou a chipa paraguaia, entre um percurso e outro de sua agenda, comprado de vendedores ambulantes nas ruas da cidade.

Itaipu Binacional

Com as energias renovadas, o segundo dia foi marcado pela visita na Usina Hidrelétrica de Itaipu. Recepcionada pelo Assistente da Diretoria Geral Brasileira, Alexandre Teixeira, a Miss Global 2017, Barbara Vitorelli, realizou o plantio de uma árvore, uma cerejeira, no Bosque dos Visitantes. “Sinto-me honrada, quantas autoridades plantaram árvores aqui. Vou poder trazer meus filhos, meus netos”, agradeceu a miss. Depois foi convidada para fazer uma visita especial técnica, onde pôde conhecer, além dos mirantes panorâmicos, os condutos, catedrais, a galeria dos geradores, barragem e eixo da turbina. “A grandiosidade dessa usina é a junção da inteligência do homem e a matéria natural. E pensar na quantidade de casas que recebem energia elétrica daqui”, enfatizou Barbara. Impressionada pela explicação sobre o território neutro da Usina Binacional de Itaipu, a miss que é de nacionalidade Argentina e radicada no Brasil, encerrou a visita dizendo que também é binacional. “Nasci na Argentina, meus pais são brasileiros, sou radicada no Brasil. Vivo aqui desde os cinco anos de idade, também sou binacional, como a Itaipu”, encantou-se Barbara.

Paraguai

A miss atravessou a fronteira para conhecer Ciudad del Leste, no Paraguai. Famoso pelo seu comércio de zona franca, e que hoje, também, investe em entretenimento e cultura, naquela região. Convidada por um shopping, que oferece diversidade cultural e também agrega comércio, Barbara Vitorelli, se divertiu no museu 3D, patinou na pista de gelo e, como qualquer mulher, realizou algumas comprinhas. “A fronteira é um local mágico, oferece opções de entretenimento e compras. O Paraguai se soma ao Brasil, é encantador”, notou a miss.

Museu de Cera

Um transformers instalado na frente, ao lado carros. Mais atrás um vale de Dinossauros e no meio um museu de cera com personagens de histórias de terror a grandes celebridades, e ainda minis atrativos turísticos mundiais, tudo isso junto. Assim, a Miss Brasil Global 2017 percorreu em uma hora e meia grandes aventuras, como ela mesmo descreveu. “Eu preciso conhecer este local, podemos ir?”, acrescentou a sua agenda mais um atrativo de Foz.

Rede Hoteleira

“Uma única vez estive em Foz. Mas vim acompanhar um grupo como intérprete, os deixei em um hotel e logo tive que voltar”, contou Barbara Vitorelli. Na ocasião, a miss entrou pouco quilômetros na cidade e prometeu a si mesma que um dia voltaria. “Este dia chegou, e eu gostaria de retornar a este local”, pediu durante sua agenda em Foz do Iguaçu. Barbara, que é de Astorga, noroeste do Paraná, hoje vive em Maringá e contou-nos que frequentemente a opções da hotelaria de Foz são elogiadas. “Há hotéis dos mais variados. O complexo hoteleiro de vocês é surpreendente, a minha experiência me vez voltar. E já não vejo a hora do retorno”, disse a miss.

Ensaio Fotográfico

A vinda da Miss Brasil Global 2017, Barbara Vitorelli, foi um convite do artista plástico iguaçuense Adriano Monanc à sua musa inspiradora de parte do acervo Novas Cores, apresentado na galeria Golan Rouzkhosh, em Paris, na França, em fevereiro de 2016. O traço monanc é inspirado na fauna e flora do Parque Nacional do Iguaçu, e além dessa inspiração, o artista, tem sempre uma musa que o motiva em suas obras. Barbara Vitorelli é um delas. Segundo Monanc, há cerca de dois anos a energia e a beleza de Barbara foi encaixada em suas obras. “O ensaio fotográfico realizado na Terra das Cataratas pode render novos desafios”, expôs o artista.

O próximo compromisso oficial de Barbara Vitorelli é representar o Brasil, em novembro, em Phnom Penh no Camboja, no Miss Universo Global 2017. Ela embarca no dia 28 de outubro.

 

Com Portal da Cidade

Seja o Primeiro a comentar on "Miss Brasil Global 2017 se encanta por Foz do Iguaçu"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*