Empresas negociam novos investimentos no Paraná

Empresários e potenciais investidores, que participaram nesta quinta-feira (01), em São Paulo, do evento Paraná CEOs Investment Meeting, demonstram interesse em desenvolver projetos industriais no Estado. O governador Beto Richa, que abriu o evento pela manhã, afirmou que neste momento o governo estadual negocia com diversas empresas, industriais e comerciais, investimentos próximos a R$ 2 bilhões.

Realizado pela Agência Paraná desenvolvimento (APD) e Secretaria Estadual da Fazenda, com o apoio da Copel, o encontro reuniu cerca de 100 convidados, sendo 60% desse público formado por presidentes de empresas.

Richa destacou que o Estado propiciou, nos últimos anos, um ambiente de negócios favorável para investimentos. Ele ressaltou a segurança jurídica, o diálogo entre governo e empreendedores, um estruturado programa de incentivo fiscal e investimentos em infraestrutura.

“Além dos investimentos que fizemos para melhorar a competitividade do Estado, participei de debates técnicos e jurídicos, que propiciaram segurança para os investidores e que resultaram em investimentos bilionários nos últimos anos. Esse é um legado que esse governo vai deixar”, disse ao citar os R$ 42 bilhões já atraído pelo programa de incentivos Paraná Competitivo desde 2011.

DIFERENCIADA – Para o presidente da APD, Adalberto Netto, hoje há o reconhecimento, por parte dos empresários, de que o Paraná tem uma situação diferenciada em relação aos demais Estados. Ele citou, como exemplo, fornecedores da Klabin, que já demonstraram interesse em investir na região de Ortigueira. Um grupo de empresas indianas também têm projetos para o Paraná.

Para Olivier Murguet, presidente da Renault Américas, a mão de obra qualificada, a logística e a visão de longo prazo sustentaram a decisão da montadora de investir no Estado. “Crescemos nos últimos anos e damos preferência para investimentos no Paraná, com uma visão, sobretudo, de longo prazo”, disse Murguet. A Renault, que se instalou no Estado em 1996, investiu, de acordo com ele, R$ 500 milhões na fábrica de São José dos Pinhais, na região de Curitiba, entre 2014 e 2019.

MELHORA SIGNIFICATIVA – Outra montadora que tem novos planos para o Estado é a Volkswagen. De acordo com Antonio Megale, diretor de relações governamentais da empresa e presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), o Paraná é a segunda maior operação da montadora no Brasil.

Hoje 85% da mão de obra da fábrica é formada por paranaenses. “Nos últimos anos vimos uma melhora significativa nas condições logísticas no Estado. Quando cheguei ao Paraná eram comuns filas quilométricas de caminhões para acesso ao porto. Hoje isso não existe mais”, afirmou.

KLABIN E PORTO – Também a Klabin deverá, em breve, anunciar investimentos no Estado, segundo Cristiano Teixeira, diretor-geral da empresa. No encontro, Teixeira destacou a parceria com o porto de Paranaguá, onde a Klabin mantém um terminal para movimentação de celulose. “O porto paranaense tem uma gestão impecável”, disse. Ele destacou, também, a produtividade das florestas do Estado.

PARANÁ COMPETITIVO – O secretário da Fazenda, Mauro Ricardo, falou aos empresários sobre a ampliação do programa Paraná Competitivo, que passou a atender novos segmentos, como e-commerce, comércio atacadista e varejista, e a permitir a utilização de créditos de ICMS para investimentos.

O presidente da Copel, Antonio Sérgio de Souza Guetter, ressaltou que o Estado vem garantindo acesso à infraestrutura de energia com qualidade e confiabilidade. “Investimos cerca de R$ 2 bilhões por ano desde 2011 e avançamos em todas as áreas. Hoje o Paraná é o único Estado do País com fibra ótica em todos os municípios”, citou.

PRESENÇAS – O evento também contou com as presenças da vice-governadora, Cida Borguetti; do ministro da saúde, Ricardo Barros; do secretário do Planejamento, Cyllêneo Pessoa Pereira Jr, além de representantes e presidentes de empresas.

 

Com AEN

Seja o Primeiro a comentar on "Empresas negociam novos investimentos no Paraná"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*