DELEGAÇÃO DE BASQUETE DA CHINA FICA PRESA EM TIROTEIO NO RIO

A delegação de basquete masculino da China ficou presa em meio a um tiroteio próximo ao Complexo da Maré, na zona norte do Rio, nesta quarta-feira. Segundo informações do canal SporTV, o ônibus que levava os atletas, a comissão técnica da seleção do país e jornalistas chineses havia acabado de sair do Aeroporto Internacional do Galeão quando passou pela troca de tiros que aconteceu entre as Linhas Vermelha e Amarela.

Os jogadores chineses divulgaram a situação tensa nas redes sociais. Eles postaram fotos de vendedores ambulantes deitados no chão, para se proteger dos tiros. Não há registro de feridos.

A Polícia Militar enviou nota informando que quatro homens dispararam contra uma guarnição da PM na junção da Linha Amarela com a Linha Vermelha, e os autores fugiram após os disparos:

Segundo informações da 21ª DP – Bonsucesso, ontem, dia 3 de agosto, por volta das 9h30, quatro homens efetuaram disparos contra uma guarnição da Polícia Militar que passava de viatura na junção da Linha Amarela com a Linha vermelha, altura da Vila do Pinheiro. Um dos tiros atingiu a porta da viatura mas não houve feridos. Os autores fugiram logo após os disparos. Procedimento foi instaurado para apurar as circunstâncias e autoria do fato. A unidade informa que não há referência no registro sobre vítimas ou envolvimento de delegação olímpica.

A Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça ainda apura o ocorrido.

A seleção chinesa integra o Grupo A do basquete masculino do Rio-2016 e irá estrear contra os Estados Unidos, favoritos disparados à medalha de ouro desta disputa, no sábado, às 19 horas. Austrália, França, Venezuela e Sérvia também estão nesta chave.

Com Estadão

Seja o Primeiro a comentar on "DELEGAÇÃO DE BASQUETE DA CHINA FICA PRESA EM TIROTEIO NO RIO"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*