COMEÇA A CORRIDA ELEITORAL EM FOZ DO IGUAÇU

Na terça-feira, 16, teve início a propaganda eleitoral para os candidatos  a prefeito e a vereador. Com as candidaturas registradas no Cartório Eleitoral, começa a contar o prazo para a denúncia de inelegibilidade e pedido de impugnação, que termina no próximo dia 23 de agosto. A lista oficial dos concorrentes às eleições municipais de Foz do Iguaçu será publicada pela justiça eleitoral nesta quarta-feira, 17.

Cinco candidatos disputam o cargo de prefeito de Foz do Iguaçu. São eles: Paulo Mac Donald e Camilo Rorato (PDT, PSDB, PPS, PR e PTN), Phelipe Mansur e Roberto Apelbaum (REDE, PMDB, PV, PPL e PSDC), Sérgio Barros e Carlos Osório (PSC, PMN e PSB), Chico Brasileiro e Gessani da Silva (PSD, PP, PTB, DEM, PRB, PRTB, PCdoB, PEN, SD e PRP), Túlio Bandeira e Andreza Dolatto Inacio (PROS, PMB, PTC, PSL e PT). Para a Câmara de Vereadores, são cerca de 250 nomes.

Os candidatos estão autorizados a fazer comícios, reuniões, caminhadas, carreatas, passeatas, distribuir propaganda eleitoral em material gráfico e utilizar carro de som. Está liberada a busca pelo voto na internet, mas está proibida a propaganda paga na rede. Os candidatos podem veicular anúncios pagos na imprensa escrita, observada a legislação quanto ao espaço e frequência.

O horário eleitoral gratuito começará no dia 26 de agosto, com a veiculação da propaganda em cadeia de rádio e televisão exibida até o dia 29 de setembro. Além de mais curto que nos anos anteriores, as novas regras eleitorais retiraram os programas destinados a candidatos a vereador, que irão aparecer em inserções distribuídas ao longo da programação. Os candidatos a prefeito aparecem em dois programas diários, com duração de dez minutos cada.

O vendedor autônomo Cleiton Marcondes acredita que a eleição mais curta levará o eleitor a pesquisar mais sobre o candidato. “Nas eleições passadas, bastava ver a televisão para decidir. Agora a população vai buscar saber sobre as propostas e a vida dos candidatos”, defende. Sobre o novo formato para a apresentação das candidaturas proporcionais,  Marcondes acha que melhorou. “Era cansativo e ninguém prestava atenção”, pondera.

Vias públicas mais limpas

A lei eleitoral proíbe a colocação de placas, faixas, cavaletes, estandartes, bonecos e peças assemelhadas em bens e espaços públicos ou que o uso dependa de permissão do poder público. Esta vedação inclui postes de iluminação pública, sinalização, passarelas, pontos de ônibus, entre outros. A medida pretende reduzir a poluição visual nas áreas coletivas, reclamação constante da população em pleitos anteriores.

Nas vias públicas da cidade poderão ser utilizados materiais e bandeiras móveis, não podendo impedir ou retardar o trânsito de veículos e a passagem de pessoas. O horário para a exposição e retirada da propaganda é das 6 às 22 horas. As residências e bens particulares poderão apresentar propaganda eleitoral apenas em papel ou adesivo, não podendo exceder o tamanho de meio metro quadrado cada peça expositiva.

Com H2FOz

Seja o Primeiro a comentar on "COMEÇA A CORRIDA ELEITORAL EM FOZ DO IGUAÇU"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*