BRASIL, PARAGUAI E ARGENTINA REALIZAM OPERAÇÃO FRONTEIRA OLÍMPICA

As forças de segurança do Brasil, Paraguai e Argentina atuam de forma integrada na fronteira entre os três países, por meio da Operação Fronteira Olímpica. A atuação conjunta conta com o uso compartilhado do Centro Integrado de Comando e Controle, instalado em Foz do Iguaçu para monitorar e dividir informações durante a realização dos jogos Olímpicos e Paralímpicos no Rio de Janeiro (RJ).

O objetivo do trabalho integrado é ampliar o controle na área, aumentando a fiscalização sobre as atividades migratórias. No centro de inteligência são compartilhados dados e informações em tempo real sobre pessoas e veículos que transitam nos três países. Os agentes de segurança acessam os dados correspondentes às movimentações em cada nação, que são intercambiados om os policiais de outros países, por meio da tecnologia da sala de comando.

Além do uso compartilhado do banco de dados, as forças de segurança do Brasil, Paraguai e Argentina têm à disposição câmeras de segurança instaladas em vários pontos de observação. O Centro de Comando também permite o acesso à documentação de identificação da Interpol (Polícia Internacional), o que proporciona a análise sobre os dados de pessoas suspeitas ou ocorrências registradas.

O delegado da PF em Foz do Iguaçu, Fabiano Bordignon, ressaltou que a integração e a colaboração entre as polícias dos três países é histórica. “O objetivo dessa união é a troca ágil de informações. Essa cooperação internacional existe há 20 anos e tem base na experiência do comando tripartite”, explicou o delegado federal. “Além da PF, a operação conta com a Polícia Nacional do Paraguai e as forças de segurança da Argentina”, concluiu.

Aumento do controle

Devido aos jogos que acontecem no Rio de Janeiro, a fiscalização na região da fronteira vem sendo intensificada nos últimos meses. As forças de segurança fortaleceram o controle da entrada e da saída de pessoas pelas pontes da Amizade e da Franternidade, vias de ligação do Brasil com o Paraguai e com a Argentina. Além disso, são realizadas ações contínuas na região por agentes do Nepom (Núcleo Especial de Polícia Marítima da PF) e do BPFron (Batalhão de Fronteira da Polícia Militar do Paraná).

Aeroporto

Desde o dia 18 de julho, o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu opera com novos procedimentos de inspeção de passageiros e de verificação de bagagens em voos domésticos, devido às regras determinadas pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). As mudanças instituem a revista corporal aleatória nas salas de embarque e desembarque e tornam mais rigorosas as vistorias da bagagem de mão.

Além da fiscalização eletrônica, mochilas, bolsas e malas levadas às aeronaves junto aos passageiros poderão ser inspecionadas manualmente pelos agentes de proteção nos aeroportos. De acordo com o manual elaborado pela Anac, qualquer pessoa poderá ser submetida à revista pessoal na área do aeroporto, sem distinção entre passageiros.

Com H2FOZ

Seja o Primeiro a comentar on "BRASIL, PARAGUAI E ARGENTINA REALIZAM OPERAÇÃO FRONTEIRA OLÍMPICA"

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.


*